Região do Entorno ganha Parque Estadual Águas Lindas

O Estado de Goiás conta agora com o Parque Estadual Águas Lindas, na região do Entorno do Distrito Federal. O decreto de criação do Parque foi assinado nessa sexta-feira, Dia Mundial da Água, pelo governador de Goiás, Ronaldo Caiado. Na ocasião, também foi assinado o acordo de cooperação entre o Governo Federal e os governos de Goiás e Distrito Federal para a implantação do projeto Produtor de Água na Bacia do Descoberto. 

O novo Parque fica sob a responsabilidade da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad Goiás), sob a gestão da secretária Andréa Vulcanis. A unidade de conservação de proteção integral é constituída de duas áreas distintas, num total de pouco mais de 2 mil hectares, localizado no município de Águas Lindas. O parque destina-se a preservar as nascentes, os mananciais, a flora e a fauna, bem como controlar a ocupação do solo na região.

O governador Ronaldo Caiado ressaltou que este é o primeiro parque estadual inaugurado neste mandato, no Brasil. "Vamos fazer um trabalho de recuperação onde os produtores rurais que não tem as suas reservas, vão adquirir aqui neste espaço. O objetivo é ampliar o que foi destruído. Vamos ser referência em recuperação de área," pontuou Caiado.

Segundo a secretária, Andréa Vulcanis, a criação do PEAL demandou um esforço político complexo, envolvendo Governo Federal, governos estaduais de Goiás e DF e entidades para entregar a todos uma gestão pública eficiente,  séria e transparente. A titular da pasta explicou que o Parque foi ampliado para 2 mil hectares, garantindo a área de residência das pessoas que já moravam na região e, ao mesmo tempo, uma maior proteção para as nascentes. Segundo ela, ainda há muito trabalho à frente na implementação do Parque, que, além da proteção das águas, contribui para a saúde da população, lazer e turismo. “Temos aqui uma unidade de conservação para as presentes e futuras gerações. Estamos aqui hoje deixando um legado.”, disse Vulcanis.

A solenidade de assinatura contou com a presença de diversas autoridades, como o prefeito de  Águas Lindas, Hildo do Candango, secretário do Meio Ambiente do Distrito Federal, José Sarney Filho, e os presidentes  da Saneago,  Ricardo Soavinski, da Adasa, Paulo Sérgio Brêtas, e da Caesb, Fernando Rodrigues  Leite.