Semad autua responsáveis por degradação no interior do Parque Estadual dos Pirineus

O Governo de Goiás, por meio da Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável (Semad), realizou no início desta semana operação de fiscalização que resultou em dois autos de infração contra os responsáveis por uso de recursos hídricos sem outorga. Durante o trabalho das equipes foi constatada ainda a prática de degradação de vegetação nativa (abertura de trilha clandestina) no interior do Parque Estadual dos Pirineus (PEP), localizado nos municípios de Pirenópolis, Cocalzinho de Goiás e Corumbá de Goiás.

As ações fiscalizatórias executadas pelos agentes da Semad resultaram de denúncias feitas por moradores locais, que identificaram a trilha clandestina com cerca de 2,6 mil m² de extensão. Acerca desse tipo de infração a multa aplicada foi de R$ 12 mil. No caso de uso hídrico sem a autorização do órgão competente, a multa diária é de R$ 1.350.  

Para qualquer tipo de infração ambiental constatada a Semad ressalta que é fundamental a participação da população no relato dessas irregularidades e formalização de denúncias para que os agentes verifiquem no local a existência de danos ao meio ambiente. As solicitações podem ser feitas via Central de Atendimento (62) 99661-0250 (ligação e whatsapp) ou 0800 646 2112 e ainda por meio do e-mail: Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Utilizamos cookies essenciais e tecnológicos semelhantes de acordo com a nossa Política de Privacidade e, ao continuar navegando, você concorda com estas condições.